quinta-feira, 24 de novembro de 2016

DROGAS ILÍCITAS PRINCIPAL MOTIVAÇÃO PARA PRATICA DE HOMICÍDIOS

SSP/SERGIPE apresenta estudo sobre 
homicídios dolosos

A Secretaria de Segurança Pública apresentou na manhã desta quinta-feira (24)os resultados de um estudo feito sobre os homicídios dolosos, que são aqueles com a intenção de matar, registrados em três cidades de Sergipe no ano de 2015. Os jovens do sexo masculino, entre 18 e 21 anos, e com baixa escolaridade são apontados como os maiores autores dos homicídios no estado.

Na coletiva, o estudo foi apresentado pelo Núcleo de Análises e Pesquisas em Políticas de Segurança da SSP feito com base nos inquéritos policiais em Aracaju e também nos municípios de Nossa Senhora do Socorro e São Cristóvão. As três cidades concentraram 539 homicídios ao longo do ano passado. Sendo 327 em Aracaju, 142 em Nossa Senhora do Socorro e 70 em São Cristóvão. Desses homicídios, 81% ocorreram em via pública.

O levantamento também identificou que os autores dos crimes são jovens do sexo masculino (95,3%), principalmente na faixa etária dos 18 aos 21 anos. Em relação às vítimas, o estudo também apontou que a maioria é de homens com 94.4%.

A arma de fogo aparece em 86,2% dos casos. A principal motivação das mortes está relacionada a drogas ilícitas ( 44,6%), seguida por vingança ( 28,7%) e discussão ou briga ( 7,0%). Os dados serão apesentados ao Governador do Estado.

http://g1.globo.com/se

LUGAR DE TRAFICANTE É NA CADEIA