terça-feira, 15 de novembro de 2016

CENTRAL DE FLAGRANTE NÃO É PRESÍDIO

Lotada, Central de Polícia de Arapiraca
 tem presos algemados na recepção

Presos ficaram mais de 12 horas algemados em uma barra de ferro (Foto: Arquivo Pessoal)
Quatro presos foram algemados a um cano de ferro na recepção da Central de Polícia de Arapiraca, no Agreste alagoano por causa da superlotação no local. A capacidade de receber presos chegou ao limite

A unidade é para flagrante e só deveria custodiar presos por um período de 24 horas. Após este período, eles deveriam ser transferidos para a Casa de Custódia, mas lá também está superlotada e não recebeu nenhum preso no último fim de semana, segundo a polícia.

A cela da Central de Polícia tem capacidade para cinco suspeitos, mas havia 10 nesta manhã. Com os 4 presos ao cano, são 14 suspeitos na unidade. “A cela não cabe mais ninguém e para que a viatura que trouxe os presos fosse liberada, tivemos que colocá-los nessas condições”, disse um agente que pediu para não ser identificado.

O agente informou que a Polícia Civil está tentando a transferência de cinco presos da Casa de Custódia para presídios para liberar as vagas. “Mesmo com essas vagas liberadas, a situação continua complicada porque a Central de Polícia não deveria ter presos por tanto tempo”, observou.

A Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social (Seris) informou que está prevista transferência de presos do interior nesta terça-feira (15) para o presídio do Agreste, em Girau do Ponciano, mas diante da situação em Arapiraca está buscando uma solução emergencial.

 Fonte: http://g1.globo.com/al/alagoas

Fico imaginando a Central de Flagrante de Timon recebendo presos para lá permanecerem por tempo maior que o previsto que deve ser somente o de realização do procedimento. O prédio (em péssimas condições) comporta uma cela. A quantidade de policiais ínfima. Cada plantão tem apenas 1 delegado. 1 escrivão. 2 Investigadores e  1 ou 2 administrativos. Já pensou ?! Agora imaginem só a situação que se vive quando ao mesmo tempo se tem custodiado na Central adolescentes, homens e mulheres. Pois é, formado está o caos. Por isso, o tempo na Central de Flagrantes deve ser MINIMO. Central de Flagrantes não é presidio. Aliás, delegacia nenhuma.