terça-feira, 11 de novembro de 2014

PONTO A PONTO


E como a pior medida é sempre não adotar medida alguma, penso que a reunião de hoje com uma parte daqueles que fazem a Central de Flagrantes de Timon já teve seu resultado positivo. Reajustes ainda pequenos, coisas poucas que precisam de vez em quando serem reajustadas. Nada que uns bons apertos e uma melhor estrutura não resolva, creio! Mais confesso, o que me chamou atenção mesmo foi a mesa de reunião, pois, para quem vem de um lugar onde não havia reunião, muito menos água, acreditem, participar de reunião onde tem água, café, biscoitos incrementados e o mais importante, a intenção de discutir com o grupo as condições e a eficiência do trabalho, essa não é realidade que se deixe passar em branco. De parabéns o Regional (del. Valente), que com o capricho mostrou sensibilidade, e com a postura aberta a todas as falas mostra que reconhece os acertos e erros de TODOS. Se é verdade que a primeira impressão é a que fica, ficou a melhor impressão. Detalhes podem fazer muita diferença. Hoje me ative a pequenos detalhes, porque do resto ando meio cansada e medindo palavras, só não sei se vou é conseguir por muito tempo, pois ouvi hoje do delegado Francelino que depois dos 40 a língua afrouxa. Bom, mas pra tudo ficar de acordo é cada um no seu quadrado, na sua melhor forma. E fim de reunião.