sábado, 1 de novembro de 2014

Jogador de futebol é morto a tiros em Floriano

O lateral esquerdo Edson Piauí, 27 anos, foi assassinado a tiros na madrugada deste sábado (1º) em Floriano (PI), 244 quilômetros ao Sul de Teresina. O jogador, que disputou a Série B do Campeonato Brasileiro, se envolveu em uma discussão em uma churrascaria. O irmão dele, que é policial militar, ficou ferido. 

Édson Décimo Alves de Araujo voltou a Floriano após rescindir contrato com o Boa Esporte nesta semana - ele e outros cinco jogadores foram liberados pelo clube. O lateral, que já defendeu Atlético (PR), Porto, Santa Cruz e Náutico (PE) e ABC (RN), havia fechado contrato com o Rio Claro para a disputa do Campeonato Paulista de 2015. 

De acordo com sites de Floriano, após a discussão com o acusado do crime, Edson Piauí teria ido embora de uma churrascaria no bairro Sambaíba e procurado o irmão Erisvaldo, que é cabo da PM. Mais tarde, os dois procuraram o acusado em um bar no bairro Cancela e foram recebidos a tiros

Populares teriam ouvido pelo menos cinco disparos, mas a delegada aguarda o laudo cadavérico para precisar quantos tiros atingiram as vítimas. Um dos tiros acertou Edson no rosto. O jogador morreu no local.  

O carro do jogador, um Honda CRV com placa de São Paulo, foi atingido por um tiro no vidro traseiro. A delegada Luana Alves informou que o veículo foi apreendido e será periciado. 

O irmão de Edson Piauí foi internado na UTI do hospital Tibério Nunes, em Floriano. 

O suspeito foi identificado por populares como Manoelzinho e fugiu em um carro prata.

Fonte: http://cidadeverde.com/