sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Suposto disparo acidental mata investigador de polícia

Um acidente com arma de fogo ceifou a vida do investigador da Polícia Civil do Pará, lotado em Ourilândia do Norte, recém concursado na instituição, Marcos Joaquim Jardim Miranda, na segunda-feira (20/10/14), por volta das 4h20 da madrugada. De acordo com informações, a vítima, ao ajeitar a arma que carregava na cintura, a mesma veio a disparar acidentalmente em sua barriga, fato este que está sendo devidamente apurado. O investigador foi socorrido e encaminhado para o hospital regional de Redenção, onde foi submetido a procedimento cirurgico, mas na manhã de quarta-feira (22), veio a óbito. O corpo foi levado para o IML de Marabá, e de foi encaminhado para Belém, onde foi velado e sepultado no dia de ontem(23/10/14). 
O fato está sendo devidamente apurado e investigado pela cúpula da Polícia Civil do estado, porque existem outras versões para o caso. 
De acordo com o Sindicato dos Policiais Civis, uma arma teria disparado por acidente dentro da delegacia de Ourilândia quando Marcos passava o armamento para outro colega. 
"Não foi na delegacia, foi na rua", disse o delegado Luiz Alberto Lima de Almeida Junior.
As pessoas que estavam junto com a vítima estão sendo ouvidas, mas a polícia só irá se manifestar sobre os detalhes da investigação após a conclusão do inquérito. 

Fonte: http://g1.globo.com/