quarta-feira, 29 de outubro de 2014

REPERCURTINDO ...

Delegado mandou um policial para casa, os amigos foram solidários com o colega e também pediram para sair
"Deic (Diretoria Estadual de Investigações Criminais) ficou sem a DRE (Divisão de Repressão a Entorpecentes) depois que um veterano policial, considerado líder do grupo por ser mais experiente, com quase 30 anos de combate ao tráfico de drogas, foi dispensado pelo delegado, novato na carreira, que recentemente assumiu a divisão. Todos os agentes da DRE, solidariamente, apresentaram suas vontades de não abandonarem o colega e também solicitaram suas dispensas. É lamentável o que ocorreu. A equipe da DRE trabalha unida e nos últimos anos bateu recorde de apreensões. A dispensa do policial civil ocorreu porque ele se negou a fazer mais horas do que as que ele recebe do Estado. Em nota divulgada à imprensa, o Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Santa Catarina repudiou a medida: “Caso não haja uma solução pacífica para o caso vamos conclamar todos os policiais civis para juntos demonstrarem toda a insatisfação com o atual tratamento  desigual e desumano ao qual estão sendo submetidos”, afirmou o presidente do sindicato, Anderson Amorim"
Fonte: http://ndonline.com.br/