domingo, 29 de junho de 2014

Primo de Márcio Pop é preso no Saci suspeito de fazer arrastão em festas

Com ele foi encontrado arma, bolsas, dinheiro e 10 camisas. Suspeito estaria trocando de roupa para despistar a PM.

TERESINA (PI) - A Companhia Independente de Trânsito (Ciptran), da Polícia Militar, prendeu na noite deste sábado (28) João Henrique de Freitas Pereira acusado de porte ilegal de arma de fogo e de prática de assaltos na zona Sul de Teresina.

“Ele é primo do Márcio Pop e estava praticando assaltos na região do Saci aproveitando a festa pela vitória do Brasil na Copa. No carro dele foi encontrado bolsas, dinheiro e cerca de 10 camisas. A suspeita era que ele estava trocando de roupa para evitar ser reconhecido”, conta o comandante do Ciptran, major Adriano de Lucena.


O suspeito estava com a arma na cintura no momento da abordagem. Ele é foi achado em uma abordagem de rotina da Companhia durante a comemoração no bairro Saci. A arma era um revólver, calibre 38, da marca Rossi e estava com 03 munições.

“De acordo com o relatório das ações também foi apreendido um invólucro com substância aparentemente cocaína. O veículo do suspeito também foi removido para fins de investigação”, explica o major.

Quem era Márcio Pop
Segundo a polícia, Márcio Fernando Amorim Silva, 24 anos, o Márcio Pop, tinha envolvimento com tráfico de drogas e uma extensa ficha policial. Antes de morrer, ele estava sendo indiciado por participação em um homicídio. 

Ele também teria envolvimento em uma tentativa de homicídio do “Nêgo Wilson”, ocorrido nas proximidades do Detran. A morte aconteceu no dia 26 de agosto de 2013, próximo a um pagode no bairro Saci, zona Sul de Teresina.

Fonte: http://www.cidadeverde.com/