domingo, 15 de junho de 2014

Candidatos eliminados no concurso da Policia Civil do Piauí.

Na manhã de hoje (15) milhares de candidatos aos cargos de delegado e escrivão de Polícia Civil do Piauí fizeram a primeira fase do certame, organizado pela Fundação Nucepe. As provas ocorreram em Teresina em 11 locais diferentes. Em todos os locais foi possível verificar candidatos de diversas regiões do Brasil, assim também como a ausência de outros.
 
Até o momento não se tem notícia de nenhum incidente que comprometesse a realização do concurso, embora já conste no cidadeverde.com veiculação de notícia de que  dois candidatos foram excluídos do certame após serem flagrados com telefones celulares durante a aplicação das provas. 
 
Os candidatos que fizeram prova no Instituto Superior Antonino Freire, na sala 107, tiveram que entregar os sacos plásticos onde haviam sido guardados celulares, relógios e outros aparelhos eletrônicos para serem levados para a coordenação do local. A justificativa dada foi que havia sido feito uma denúncia de fraude e que a mesma ocorreria por meios eletrônicos, por isso tudo deveria ser minuciosamente averiguado.

Fora isso a prova seguiu de modo tranquilo. E dor de cabeça mesmo só para respondê-la, pois foi uma prova extensa, embora não tenha apresentado elevado grau de dificuldade.

Quanto a confirmação da exclusão dos candidatos, a mesma  foi feita pelo professor Jorge Martins Filho, presidente do Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos da Universidade Estadual do Piauí (Nucepe/Uespi).
 
"Eles foram sumariamente eliminados do concurso", confirmou o presidente do Nucepe, ressaltando que as provas foram aplicadas nos horários pré-determinados no edital e sem maiores incidentes. 

O Nucepe contou com apoio da Polícia Civil do Piauí no rastreamento dos aparelhos telefônicos. 

No concurso, foram ofertadas 40 vagas, sendo 20 para o cargo de escrivão e 20 para delegado. A remuneração inicial deve chegar a R$ 3.194,35 para escrivão e R$ 10.914,54 para delegado.
 
Veja a concorrência: