segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Site arrecada dinheiro suficiente para pagar a multa de Genoíno

Se você acha que o Brasil ainda tem jeito, pedimos que não desanime com a reportagem publicada hoje no site g1.com.br que você ver a seguir. Particularmente, acreditamos que esse país ainda tem jeito, mas precisamos que as pessoas de bem tomem à frente, arregacem as mangas, compareçam para votar em pessoas de bem e não deixem que os piores sejam sempre eleitos com seu voto ou porque você resolveu ficar confortavelmente em casa. Isso serve para todos os lugares onde as pessoas sentam no trono do poder pelo voto, seja no parlamento, no executivo, seja em sindicato, em associação, em federação ou confederação. Não votar, votar nulo ou em branco ou votar em A ou em B por protesto não resolve o problema de ninguém, mas apenas piora o que já está ruim. Precisamos de pessoas com capacidade para refletir e questionar o aparentemente correto. Até onde é ética ou legal a arrecadação para pagar a multa de Genoíno condenado pelo mensalão? Quem realmente doou o dinheiro? O povo incauto ou membros da quadrilha? Seria interessante a abertura de inquérito para investigar os autores das doações e possível prática criminosa, pois vemos indícios fortes de prática de crime. Espero que as autoridades investiguem o caso e que não vejam isso como algo absolutamente normal, pois normal não é. Veja a matéria a seguir e tire as conclusões. Para ver direto na fonte clique AQUI.

* * *

Site criado para recolher doações a Genoino alcança o valor da multa
Ex-deputado foi multado em R$ 667,5 mil no julgamento do mensalão. Família alegou que não tinha dinheiro e criou site para arrecadar quantia.

O site criado pelo família do ex-deputado federal José Genoino (PT-SP) para arrecadar o dinheiro da multa estabelecida no julgamento do mensalão informou que a quantia já foi alcançada. A Justiça havia condenado Genoino a pagar R$ 667,5 mil. A família alegou que não tinha o dinheiro e criou o site para recolher as doações.

Na página na internet, a família não informa quanto foi recebido – diz apenas que atingiu o valor da multa. "Gostaríamos de pedir paciência quanto à divulgação dos valores arrecadados. Estamos finalizando toda a apuração financeira necessária, e o mais breve possível daremos a informação sobre a arrecadação", diz o texto publicado no site com a assinatura "Família Genoino".

A página de doações começou a funcionar na quinta-feira (9). O dia de pagamento da multa é nesta segunda-feira (20).Genoino foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a 6 anos e 11 meses de prisão, mais pagamento de multa, durante o julgamento do processo do mensalão, no ano passado. O ex-deputado chegou a ser levado ao Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, mas atualmente cumpre prisão domiciliar em decorrência de problemas de saúde.
Inicialmente, a multa imposta ao ex-deputado pelo STF era de R$ 468 mil, mas foi atualizada, segundo a Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, com correção monetária.

Multas
Outros seis condenados no processo do mensalão já foram intimados a pagar multas, que também passaram por correção monetária depois do julgamento: o ex-deputado Valdemar Costa Neto; o ex-tesoureiro do PL (atual PR) Jacinto Lamas; o chamado "operador" do mensalão, Marcos Valério; e os sócios dele, Cristiano Paz e Ramon Hollerbach e o ex-tesoureiro, do PT, Delúbio Soares.

A multa de Costa Neto, fixada pelo STF na ocasião do julgamento em R$ R$ 1,08 milhão, passou para R$ 1,668 milhão, com as correções. A de Delúbio é de 466,8 mil. Ramon Hollerbach terá de pagar R$ 3,966 milhões – R$ 1,176 milhão a mais que os R$ 2,79 milhões previstos à época do julgamento.

Já o valor da dívida de Lamas foi corrigido pela Vara de R$ 260 mil para R$ 370,8 mil, com base na variação da inflação. Os reajustes das multas de Marcos Valério e Cristiano Paz não foram informados pela Vara de Execuções Penais porque os advogados retiraram parte dos autos para checar os valores.

Fonte: www.g1.com