sábado, 28 de dezembro de 2013

Pichação em muro de escola manda motorista baixar vidros, no Ceará

Para moradores, assaltantes 'ordenam' que motorista se identifique. Bairro tem grupos rivais e 'recado' vai ser investigado, segundo polícia. 


O muro de uma escola pública localizada no Conjunto ABC, no Bairro Aerolândia, em Fortaleza, foi pichado com uma suposta mensagem aos motoristas para que se identifiquem ao passar na área. A pichação está no muro há pouco mais de dois meses e diz: “tire o capacete... Baixe os vidro (sic)... Ligue a luz de dentro do carro...”. De acordo com os moradores, é uma instrução de como os motoristas devem se portar ao passar pela comunidade Conjunto ABC.

"A comunidade se sente receosa de passar por dentro do Conjunto ABC por conta dessas restrições, dessas objeções que é (sic) imposta por eles", diz outro morador que prefere não ser identificado.

Ainda conforme os moradores, o fluxo de carros pela via aumentou após um dos retornos da Avenida Raul Barbosa, via que passa ao lado do bairro, ter sido fechado. “Eles [condutores] são obrigados a passar por dentro do Conjunto para poder se locomover”, afirma o morador que enviou a denúncia. "Que seja aberto o canteiro central para que os moradores tenham acesso a Aerolândia, a Messejana, ao centro, sem ter de passar por esse local", sugere outro morador.

Polícia
A Polícia Militar do Ceará afirma que vai averiguar a pichação. Segundo a polícia, a comunidade tem dois grupos rivais de traficantes de drogas e a pichação pode ser um aviso de uma facção para a outra. "Nós temos combatido o tráfico de drogas que é a causa mãe de tudo isso aqui. Temos mandado alguns bandidos para a cadeia (...) e através dessas intimidações eles tentam causar um pânico no meio social e jogar a população contra a Polícia Militar",diz o capitão PM Ideraldo Bellini. Segundo ele, já foi intensificado o policiamento na região.