terça-feira, 1 de outubro de 2013

PROFESSORES MUNICIPAIS DA CIDADE DE TERESINA EM GREVE DEIXAM 90.000 ALUNOS SEM AULAS


Em nota, a Secretaria Municipal de Educação (Semec) afirma que todas as reivindicações da categoria foram atendidas e que o movimento grevistam é motivado por disputas políticas partidárias. 

Veja a nota

A Secretaria Municipal de Educação (Semec) informa que todas as reivindicações feitas pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Teresina foram atendidas, e mesmo assim o sindicato deu continuidade à proposta de greve. A Semec é totalmente contra a paralisação das aulas e fechamento das escolas motivadas por disputas políticas partidárias, sendo do interesse da Prefeitura de Teresina garantir aulas aos 90 mil alunos da Rede Municipal. A Prefeitura já elaborou a folha suplementar que pagará a diferença salarial da gestão anterior, além da mudança de nível para 270 professores, aprovada pelo Prefeito com aumento de 5% sobre o salário. Quanto à estrutura física das escolas, foi aprovado e anunciado investimento de R$ 8 milhões no reparo de 234 escolas, já para os próximos 30 dias.