quinta-feira, 11 de abril de 2013

SOB INVESTIGAÇÃO CRIME DE EXECUÇÃO PRATICADO NA CIDADE DE BACABAL


Segue investigações feitas pela polícia civil no sentido concluir Inquérito Policial referente ao crime de homicídio praticado no dia 08.04.13, por volta das 10:00h , na Rua Frederico Leda próximo ao SESI, constando como vitima empresário local conhecido como IVALDO PEREIRA DIAS, conhecido como IVALDO MANDACARÚ. 

O crime ocorreu quando o empresário trafegava em veiculo modelo Corola que foi alvejado por vários disparos de arma de fogo tipo pistola. 


Os acusados dos disparos que ceifaram a vida do empresário são policiais militares e se deslocaram do Estado de Pernambuco em um veiculo corsa cor preta, placa MOJ 5946, João Pessoa/PB, para praticar a execução. 


Com os acusados foram encontradas duas pistolas, uma GLOCK .40 oxidada, com bala na agulha, e 26 munições intactas e outra TAURUS 380, niquelada  com bala na agulha, 03 carregadores com 45 munições intactas, além de dinheiro, cerca de três mil e seiscentos reais.    

Epc Cledson
Após divulgação da morte do empresário várias pessoas se dirigiram ao Hospital Laura Vasconcelos já que IVALDO MANDACARU é pessoa conhecida na cidade. 

Hospital Laura Vasconcelos

Os acusados rapidamente identificados pela PM foram conduzidos para a delegacia os procedimentos de praxe. pela autoridade policial JADER ALVES, que os autuou em flagrante delito por crime de homicídio qualificado. Embora negando autoria delitiva o delegado diz não ter duvidas de que foram os dois militares que executaram IVALDO MANDACARU.

Imagens do flagrante das dependências do 1º DP.

Equipe de Investigadores

Del Jader Alves e Epc Jonadabe
Comandante Egídio, Del. Jader Alves e Epc Lilio 


Projetil retirado na cabeça da vitima 

Os acusados são policiais militares do Estado de Pernambuco, lotados no 18ºBPM de Recife e alegam está vindo da cidade de Imperatriz/Ma,  encontrando-se apenas de passagem pela cidade, onde pararam apenas para tomar café.

Dando continuidade as investigações já inciadas pelo delegado Jader Alves, na tarde de hoje começou a ouvir testemunhas e familiares da vitima. O procedimento deve está concluído no 17.04.13