domingo, 8 de abril de 2012

Dupla de assaltantes é baleada e presa após assaltar lotérica

Dois homens foram presos após assaltarem a Lotérica Vitória, na Rua 203, Unidade 203, n° 80, no Bairro da Cidade Operária. A dupla teria roubado dois funcionários da loteria e depois trocou tiros com policiais militares, que passavam pelo local no momento do crime. Os ladrões tentaram fugir correndo, e esqueceram uma moto em frente à lotérica. Na tentativa da fuga, eles atiraram contra os policiais militares do 6° Batalhão. Na troca de tiros, os acusados foram feridos na perna e invadiram casas vizinhas à lotérica. Após alguns minutos, os dois homens se entregaram à polícia, foram presos em flagrante e levados para o Hospital Municipal Clementino Moura, o Socorrão 2.
Com a dupla, foi apreendido um revólver calibre 38 com cinco munições intactas e a moto Honda Tornado preta, placa NHR-4526. No confronto, a viatura da PM ficou com várias marcas de tiros e teve o para-brisa quebrado; além disso, dois veículos (um Gol e um Celta) foram atingidos pelos disparos. Um dos militares, que estava na ocorrência, disse que a guarnição não conseguiu deter os ladrões, porque tinha pouca munição, pois a determinação do quartel é que cada policial saia para a rua somente com 10 munições.
José de Ribamar e Tiago Carvalho foram autuados em flagrante por roubo qualificado, porte ilegal de arma e dano qualificado ao patrimônio público. Até a tarde de ontem, eles estavam custodiados no Socorrão 2, mas assim que recebessem alta iriam ser encaminhados para uma unidade do Sistema Prisional. De acordo com o delegado Dicival Gonçalves, Tiago responde por roubo e tráfico de drogas; e José de Ribamar foi preso por roubo, ameaça e porte ilegal de arma.

José de Ribamar e Tiago são acusados por outros crimes