domingo, 11 de março de 2012

NO AMAPÁ, DELEGADOS COBRAM CUMPRIMENTO DA LEI ORGÂNICA

Com mais de vinte anos de polícia, delegados da classe especial estão sendo transferidos para o interior

Delegados de polícia cobram cumprimento de Lei Orgânica. Com mais de vinte anos de polícia, delegados da classe especial estão sendo transferidos para o interior. Os delegados de polícia que fazem parte do grupo especial marcaram para a próxima semana uma assembleia geral com a categoria para discutir a suposta quebra de hierarquia dentro da entidade. Os delegados afirmam que o desrespeito com os mais antigos vem acontecendo desde o ano passado. Hoje, cerca de 46 profissionais de polícia fazem parte desta categoria e a situação vem se tornando insuportável pelo fato dos delegados com mais de vinte anos de casa estarem sendo deslocados para delegacias do interior ou colocados para tirar plantões, funções que deveriam estar sendo exercidas pelos delegados mais novos. Segundo os delegados, apesar da Polícia Civil não ser um órgão militar, a hierarquia deve ser respeitada como acontece com todos os Poderes. “Imaginem um juiz substituto ficando na cidade, enquanto que um desembargador é transferido para o interior. Na verdade isso não acontece. O certo é o inverso. Na Civil isso também está na nossa lei orgânica. Basta apenas que seja cumprida”, exemplificou um dos delegados.

Fonte: http://www.jornaisdehoje.com.br (Jornal do Dia)