sábado, 5 de novembro de 2011

LIGA DA PREGUIÇA


Vendo a coragem de alguns ARRUMADINHOS, lembrei-me de alguns filmes de meus tempos de criança. Naquela época, destacava-se como o melhor filme – A LIGA DA JUSTIÇA. Todos os herois davam o máximo de si pelo trabalho com a vontade única de trabalhar e servir. Confesso que imaginava que no mundo adulto a regra seria aquela – TRABALHAR E SERVIR POR PRAZER. O tempo passou, eu cresci e tornei-me um policial civil com o ideal ainda de meu tempo de menino – trabalhar e servir. Tão logo passei no concurso para policial civil, empolgado pelo ideal e pelo trabalho, abandonei tolamente a faculdade para dedicar-me à policia e somente retornando à universidade mais de uma década depois, porem, o que eu não sabia, é que encontraria na policia uma LIGA que em nada lembra a LIGA DA JUSTIÇA – o meu filme preferido dos tempos de menino. Na verdade, é a LIGA DA PREGUIÇA que no mundo real, no mundo dos adultos recebe outros nomes – ADEPOL, SINDEPOL, DIABOPOL, etc, etc, etc... Nessa liga ninguém dá nada de si, principalmente quando o assunto é trabalho. Os ARRUMADINHOS da LIGA DA PREGUIÇA simplesmente não querem trabalho algum, não querem responsabilidades, nem mesmo a de cumprir o horário de expediente. Chegam ao trabalho depois das 10 horas e saem antes do meio-dia. Chegam ao trabalho depois das 16 e saem antes das 18 horas. No entanto, querem dinheiro, muito dinheiro para si e para os coleguinhas da liga, alguns ainda que de forma ímproba. Confesso que tenho consciência de que não vou consertar o mundo, mas não vou desistir de dar minha parcela de contribuição para tornar o nosso País melhor, para tornar o nosso Estado melhor. Vou combater a LIGA DA PREGUIÇA e sei que muitos vão me odiar por isso, mas as coisas vão mudar por bem ou por mal. Espero que as coisas mudem por bem, mas se for por mal, espero que seja um bom combate.

 

Fonte: http://pontoquentebrasil.blogspot.com - WAGNER NUNES LEITE